O Acadêmico Edgar Dutra Zanotto, coordenador do Centro de Pesquisa, Educação e Inovação em Vidros (CeRTEV), um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) apoiado pela FAPESP, foi eleito fellow da American Ceramic Society.

Segundo Mrityunjay Singh, presidente da American Ceramic Society, após a recomendação pelo painel de fellows, o conselho diretor da associação aprovou o nome de Zanotto por unanimidade. O reconhecimento será feito durante a 118ª reunião anual da American Ceramic Society, que ocorrerá em outubro, em Salt Lake City.

“A American Ceramic Society tem cerca de 7,5 mil associados e é uma das mais antigas sociedades científicas de materiais ” no caso, cerâmicos e vítreos “, fundada em 1918”, explicou Zanotto. “A entidade edita quatro periódicos científicos de alto prestígio internacional na área e organiza cerca de dez congressos científicos anualmente”, disse.

A cada ano, o painel de fellows da sociedade norte-americana indica entre 10 e 15 nomes de pesquisadores, dentre os associados de 50 países, para integrar o painel de fellows. Os nomes podem ser ou não aprovados pela diretoria.

Professor titular da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), Zanotto é engenheiro de Materiais pela UFSCar, mestre em Física pela USP de São Carlos e doutor em Glass Tech pela University of Sheffield, Reino Unido. Foi cientista visitante nas universidades do Arizona e Florida Central. Entre as distinções que recebeu estão a Comenda Nacional da Ordem do Mérito Científico, o Prêmio Almirante Álvaro Alberto para Ciência e Tecnologia e o TWAS Engineering Award.

Fonte: Agência Fapesp