Acadêmica Kátia Cavalca é eleita presidente do Comitê de Máquinas Rotativas do IFToMM

Engenheira é a primeira mulher a ocupar o cargo

 

A Acadêmica terá como desafio organizar o IFToMM 2018 Rotordynamics,

A Acadêmica Kátia Lucchesi Cavalca Dedini foi eleita por unanimidade presidente do Technical Committee in Rotordynamics da International Federation for the Promotion of Mechanism and Machine Science (IFToMM). Mestre pela Universidade de Campinas (Unicamp) e doutora pelo Politecnico Di Milano, a Acadêmica será a primeira mulher a ocupar o cargo. Engenheira mecânica, Kátia Cavalca tem experiência nas áreas de conhecimento em Dinâmica e Projeto de Máquinas, atuando, principalmente, nos seguintes temas: dinâmica de rotores, mancais lubrificados, modelagem e análise de vibrações em máquinas rotativas.

Desde 2004, é membro IFToMM Technical Committee in Rotordynamics. Na presidência do colegiado, também terá o desafio de organizar o IFToMM 2018 Rotordynamics, que será realizado entre os dias 23 e 27 de setembro, no Centro de Convenções Windsor Barra, no Rio de Janeiro. “Nosso objetivo é agregar a comunidade científica, motivar os pesquisadores. Além disso, vamos abrir um espaço para aproximar a indústria da pesquisa acadêmica. Para isso, vamos criar um comitê da indústria dentro do evento com o objetivo de mapear quais são os desafios no Brasil e vincular temas de pesquisa aos interesses do mercado”, explicou a Acadêmica. Estimular os estudantes também é uma das metas do encontro que vai reunir pesquisadores reconhecidos de várias parte do mundo. “Os jovens terão a oportunidade de ter contato com essas pessoas”, lembrou Kátia Cavalca.

O IFToMM – Fundado em 1969 durante o Segundo Congresso Mundial em TMM (Teoria de Mecanismos e Máquinas), o IFToMM tinha como objetivo principal ultrapassar os obstáculos da Guerra Fria e colaborar no desenvolvimento da TMM para o benefício do mundo. O IFToMM conta com 13 comitês  membros. O Comitê de Máquinas Rotativas tem 55 integrantes de 30 países, sendo no máximo dois da cada nação. Além da Kátia Cavalca, o outro representante do Brasil no comitê é o Acadêmico Hans Ingo Weber.